Promotora bolsonarista está no setor que deve investigar Flávio Bolsonaro

0
102
Carmen Eliza Bastos de Carvalho posa com camiseta de Bolsonaro.
Foto: Reprodução / Redes Sociais.

A promotora Carmen Eliza Bastos de Carvalho, bolsonarista declarada, está atuando passará a atuar na 170ª Promotoria Eleitoral do Ministério Público do Rio de Janeiro, setor responsável pela investigação do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). O senador é investigado por falsidade ideológica eleitoral.

Carvalho foi alvo de procedimento da Corregedoria do MP-RJ em 2019 por ter feito campanha nas redes sociais para Jair Bolsonaro. Em uma de suas declarações online, na posse do líder protofascista, a promotora escreveu que “há anos que não me sinto tão emocionada. Essa posse entra naquela lista de conquistas, como se fosse uma vitória”.

A promotora afirmou, através da assessoria do MP, que ainda não trabalhou no inquérito contra Flávio Bolsonaro. Ainda, disse considerar “precipitada qualquer conclusão acerca de sua atuação”.

De acordo com Guilherme Amado, da revista Época, a promotora ainda é madrinha de casamento da advogada de Flávio Bolsonaro, Luciana Pires.

Flávio Bolsonaro também é investigado no inquérito da rachadinha e ontem (1) comprou uma mansão no valor de R$ 6 milhões. O valor corresponde com o que ele está sendo investigado por supostamente ter desviado dos cofres públicos.

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

Obrigado por sua leitura. Conheça também a Kotter editorial e a KotterTV. Apoie nossa luta clicando aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui