Maduro enviará ao Amapá oxigênio para evitar crise no sistema de saúde

0
256
Nicolás Maduro

O governo venezuelano de Nicolás Maduro informou que irá ajudar o Amapá com o envio de cilindros de oxigênio para as cidades que estão com seu sistema de saúde colapsando. Enquanto não há ninguém a frente da pasta da Saúde no governo federa, o Amapá torna-se o segundo estado brasileiro a receber auxílio daqueles que “nós não queríamos virar”. O primeiro estado a receber ajuda da Venezuela foi o Amazonas, em janeiro deste ano.

Nesta segunda-feira (22), o senador Randolfe Rodrigues foi quem divulgou a informação por meio das suas redes sociais.

Em janeiro, o governo de Nicolás Maduro ajudou o Amazonas que sofria com a falta de insumos básicos, enquanto o governo Bolsonaro enviava medicamento para tratamento precoce. Segundo documentos, o principal culpado pela crise do oxigênio no estado foi o general Eduardo Pazuello, que ainda não foi exonerado da pasta da Saúde.

De acordo com Randolfe, “O Governo Venezuelano se colocou à disposição para ajudar no fornecimento de oxigênio. Precisamos que o Governo Brasileiro mobilize a logística para trazer o oxigênio até Macapá”.

Receba atualizações por e-mail!

Cadastre-se agora e receba um e-mail assim que for publicado um novo conteúdo.

Nunca enviamos SPAM. Você pode cancelar sua inscrição a qualquer momento.

Obrigado por sua leitura. Conheça também a Kotter editorial e a KotterTV. Apoie nossa luta clicando aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui